Debates Sobre Horror na Bienal Geek

Você é daqueles que gosta de sentir medo quando senta num canto tranquilo da casa para ler um bom livro? Pois bem: os fãs da literatura de horror vão ter a chance de conhecer mais sobre esse gênero assustador (e sedutor) na Bienal Geek de Pernambuco, que será no último fim de semana deste mês de maio, no Centro de Convenções, em Olinda.  Durante o maior encontro Nerd do Nordeste, O Recife Assombrado vai promover uma tarde de debates com dois autores brasileiros que conhecem como poucos a arte de deixar os leitores apavorados.

O encontro com o público será no dia 27, no espaço Papo Geek. O primeiro painel é às 13h com o escritor potiguar Márcio Benjamin e mediação do escritor e roteirista André Balaio (editor d´O Recife Assombrado). O tema será “Literatura de horror e Lendas brasileiras” – uma reflexão sobre como o imaginário popular das assombrações está trazendo novas influências para ficção nacional de pavor.

O natalense Márcio Benjamin tem textos publicados em antologias nacionais de terror (“Noctâmbulos” e “Caminhos do Medo”, pela Editora Andross). “Maldito Sertão” foi o seu primeiro livro, de contos. Lançado em 2012 pela Editora Jovens Escribas, foi considerado um dos melhores de 2012 e 2013 pelo Troféu Cultura Potiguar, e também foi quadrinizado pelo coletivo Quadro 9.  Em 2016, Benjamin lançou seu primeiro romance: “ Fome” – também pela Jovens Escribas. O livro narra como se dá um ataque de zumbis a uma pequena cidade do sertão do Rio Grande do Norte.

Logo em seguida à conversa com Márcio Benjamin, às 14h, vem o painel com o tema “Literatura de Horror: lições de mestres como Poe e Lovecraft na produção contemporânea”, apresentado pelo o escritor  paulistano Oscar Nestarez – um apanhado sobre  os modelos da escrita de horror e  sobre qual o futuro ficção desse gênero. A mediação será escritor e jornalista Roberto Beltrão, também editor deste site.

Oscar Nestarez possui Mestrado em Literatura e Crítica Literária pela PUC-SP e atualmente cursa Doutorado pela USP, tendo como objeto de estudos centrais a obra de Edgar Allan Poe. Como ficcionista, publicou “Poe e Lovecraft: um ensaio sobre o medo na literatura” (ed. Livrus, 2013), as antologias “Sexorcista e outros relatos insólitos“ (ed. Livrus, 2014) e “Horror adentro” (ed. Kazuá, 2016), e o romance “Bile negra” (ed. Empíreo, 2017), além de contos em diversas coletâneas. Oscar também é colunista da Revista Galileu, em que aborda temas da ficção de horror.

Veja a resenha sobre o romance “Bile negra”, de Oscar Nestarez:

Importante: os livros de Márcio Benjamin e Oscar vão estar à venda no estande d´O Recife Assombrado durante os dois dias da Bienal Geek (26 e 27 de maio). Os autores também vão estar no nosso espaço para conversar com o público e autografar as publicações. Não perca esse encontro medonho!