O Recife Assombrado: macabro como sempre, mas com novo visual

20140105_155335-1-1

Viram como O Recife Assombrado está diferente? Sim, o nosso site passou por uma reformulação completa e ficou mais sombrio e tenebroso. E isso foi possível graças ao apoio que recebemos do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura do Governo do Estado (Funcultura).

A melhoria chega justamente quando o nosso projeto completa quinze anos no ar. Parece que foi ontem… No ano de 2000, fizemos a estreia na web com uma página eletrônica produzida de forma quase artesanal. Ainda estávamos aprendendo a usar as ferramentas da internet. E mesmo assim, conquistamos um público fiel – pessoas que, como a gente, amam sentir calafrios lendo (ou ouvindo) histórias de assombrações.

Durante uma década e meia, vasculhamos o Recife e seus arredores em busca desses relatos. Descobrimos centenas de “causos” sobre almas penadas, casas malditas, tesouros secretos, aparições inexplicáveis e monstrengos sobrenaturais. E tivemos, é claro, a valiosa colaboração de muitos leitores que nos contaram as histórias medonhas que conheciam.

Comprovamos que a capital pernambucana é, sem sombra de dúvida, a cidade mais assombrada do Brasil – capaz até de exportar fantasmas para todos os cantos do planeta. Isso por causa da força do nosso imaginário popular, no qual nasceram criaturas macabras como o Papa-figo, ou surreais como a Perna Cabeluda.

Tomamos como missão levar esses espantos além das nossas fronteiras. Nosso objetivo é semear pesadelos, provocar suores frios que pingam da testa, arrepiar os cabelos da nuca, estimular risadas nervosas. Para isso também apostamos na ficção. Em nosso acervo, você sempre vai encontrar HQs e contos inéditos sobre os horrores que atormentam os recifenses, os pernambucanos, os brasileiros.

E todo esse conteúdo assustador agora está disponível de forma mais intuitiva e dinâmica. Inclusive para quem prefere tablet ou smartphone. Isso mesmo, caríssimo leitor: os malassombros vão te acompanhar por onde você seguir; estarão sempre ao alcance dos seus olhos, seja no ônibus à caminho da escola, no passeio à praia no fim de semana e até no táxi, na hora de voltar da balada.

Pois então está feito o convite! Enverede pelas ruas soturnas e becos sinistros d´O Recife Assombrado. Venha, conheça de perto nossos horripilantes moradores. Mas se o pavor tomar conta de sua mente, não se atreva dizer que não avisamos…

André Balaio & Roberto Beltrão