Ossadas no Poço da Panela

Igreja de Nossa Senhora a Saúde (Foto: Fábio Rafael)

Em 19 de junho de 1998, moradores do bairro do Poço da Panela – Zona Norte do Recife – encontram ossadas humanas enterradas numa vala comum ao lado da Igreja de Nossa Senhora da Saúde (foto). O curioso é que dois dos esqueletos haviam sido sepultados em pé!

Não foi revelado o número de pessoas enterradas de forma clandestina no local – próximo da igreja não existe, nem existiu, nenhum assentamento formal de cemitério. Os restos mortais só foram revelados porque a companhia de abastecimento de água de Pernambuco estava fazendo uma escavação para reparar uma tubulação na área.

Não houve uma investigação forense ou arqueológica para se descobrir a origem daqueles restos mortais. Há apenas a especulação de que foram vítimas de uma epidemia enterradas de forma apressada no século XIX ou no começo do século XX. O mistério permanece sem solução. (Fonte: “Reduto de Casa Forte”, livro de Aduiza Maria Vieira Belo, publicado em 1999.)

Coincidência ou não, o Bairro do Poço da Panela é considerado um dos mais assombrados da capital pernambucana, com vários registros de casas assombradas, botijas, aparição de lobisomem e até uma lenda de estátua de bronze que anda à noite.

(Fonte: “Reduto de Casa Forte”, livro de Aduiza Maria Vieira Belo, publicado em 1999.)

Categorias